Guia orienta sobre análises de potencial eólico

Guia orienta sobre análises de potencial eólico

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), vinculada ao Ministério de Minas e Energia, e a Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável, por intermédio da empresa alemã GIZ, publicaram, nesta quinta-feira (13), o Guia de Boas Práticas para Instalação de Estações Anemométricas.

O Guia reúne informações e práticas recomendadas por empresas especializadas no desenvolvimento de campanhas de medição, projeto e instalação de estações anemométricas destinadas ao conhecimento do vento como recurso energético. As estações anemométricas registram a velocidade e a direção dos ventos. 

O objetivo do documento é apresentar de forma simples e prática informações para a instalação de torres e estações anemométricas. Essas unidades são fontes de conhecimento seguro do potencial eólico e do comportamento temporal característico dos ventos, obtidos por meio de medições anemométricas e climatológicas de qualidade.

O Guia está disponível nos formatos PDF e PDF interativo, sendo que neste último o leitor tem acesso a um acervo maior de fotos, vídeos e a uma linha do tempo que mostra a evolução da geração eólica até os dias de hoje.

Energia eólica

No ano de 1992, o Brasil iniciou sua jornada no sentido de inserir novas fontes de energia na sua matriz energética ao instalar a primeira turbina eólica no arquipélago de Fernando de Noronha. Na época, um aerogerador de 225 KW, pequeno quando comparado com as turbinas de 7 mil KW hoje disponíveis no mercado.

Passados 23 anos, o vento se apresenta como fonte renovável de energia elétrica de mais rápido crescimento no País. Atualmente, são mais de 8 mil MW em operação comercial distribuídos em 322 parques eólicos, com previsão de se atingir 23 mil MW de potência instalada até 2023.

Em 2014, o Brasil foi o quarto país em incremento da potência instalada, ficando atrás apenas da China, Alemanha e Estados Unidos, passando a ocupar a décima posição mundial em potência instalada acumulada.

Fonte: www.brasil.gov.br

Outras notícias que talvez lhe interessem

Felipe Lavorato, presidente; Renata Maciel, diretora de negócios e Felipe Fleury, diretor executivo.

Ambientare acompanha de São Paulo, leilão da Aneel para concessão de Linhas de Transmissão no país

A diretoria executiva da Ambientare esteve presente nesta segunda feira (24), em leilão para concessão de instalação de 7,4 mil quilômetros de linhas de transmissão e subestações associadas...

Aneel marca para setembro leilão de linhas de transmissão e subestações

Aneel marca para setembro leilão de linhas de transmissão e subestações

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai realizar no dia 2 de setembro um leilão de novos empreendimentos de transmissão. O edital do leilão foi aprovado no dia 05/07/16, durante reunião...

Sema mostra dados de reestruturação da logística portuária no Pará

Sema mostra dados de reestruturação da logística portuária no Pará

Dados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) no Pará mostram que, atualmente, o Estado tem destacada participação no que se refere à nova reestruturação logística portuária brasileira. Há...

Soluções em meio ambiente
Entre em contato conosco e solicite uma proposta. Temos a solução ambiental ideal para sua empresa.